Revelação


Não dei a mais ninguém o meu carinho
e vejo o bem imenso que me fiz...
Não sei se agora estás, feliz, sozinho,
mas sei que estou sozinha... e infeliz.

A sorte me expulsou do teu caminho
e nunca mais, amor, eu me refiz,
porque meu coração em desalinho
não consegue apagar a cicatriz...

Perdoa, se puderes, meus deslizes,
pois sabes que as pessoas infelizes
se excedem, muitas vezes, sem querer...

E se eu não merecer o teu perdão,
podes deixar sangrar meu coração,
mas não peças que eu tente te esquecer...

 

BIBLIOTECAS DO MUNDO TODO Índice Próxima